terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Televisando: Gilmore Girls

Oiê!
Finalmente vou falar da série que esperei minha vida inteira para assistir direito! Sei lá a quantos anos atrás eu liguei minha TV na Warner e vi uma série interessante, não sabia o nome ainda e parecia que era sobre duas melhores amigas. Depois descobri que a série era Gilmore Girls e que contava a história de mãe e filha. Nessa época eu não entendia muito bem como as séries funcionavam e não conseguia acompanhar. Passei os últimos anos desejando loucamente que a Netflix colocasse todas as temporadas. Demorou, mas valeu a pena, a série ganhou uma temporada nova no final do ano passado. Assim que colocaram as 7 temporadas, maratonei o máximo possível e quando lançaram a nova, assisti em um final de semana, se não me engano.
A história é sobre a Lorelai e sua filha Rory, elas moram em Stars Hollow desde que Lorelai fugiu de casa após ter a Rory, aos 16 anos. A história se passa anos depois do ocorrido e Lorelai precisa da ajuda de seus pais para bancar uma escola para Rory, assim elas têm que comparecer aos jantares de sexta – coisa que as duas odeiam no começo. Com o tempo, os quatro começam a se aproximar, mas não espere o retrato de uma família de comercial de margarina!
A série tem personagens diferentes e incríveis! É muito fácil se apegar a eles! Stars Hollow é uma cidade pequena, com diversos festivais e sempre agitada por conta de seus moradores. Não tem como não pensar no Kirk sem abrir um sorriso ou no Luke sem pensar em um boné e café! Eu daria tudo para ser aluna da Miss Patty e ir às reuniões da cidade. Stars Hollow é um lugar eu gostaria que existisse só para que eu pudesse passar alguns dias por lá. Depois que terminei o texto, percebi que eu ficaria horas escrevendo sobre os personagens, a maioria conseguiu me tocar e me deixar uma lembrança gostosa.
Durante as 8 temporadas muita coisa aconteceu. Eu gosto mais das primeiras, acho que depois que a Rory entra na faculdade a personagem fica um pouco irritante. De longe, gosto muito da Lorelai, do começo ao fim. Eu também gosto bastante da Emily e do Richard, pais da Lorelai, as cenas com eles são maravilhosas – AMO OS JANTARES DE SEXTA e queria participar de alguns!
A nova temporada é composta por 4 episódios de 90 minutos, representando as estações. Foi muito bom rever os personagens, a cidade e as garotas Gilmore. Infelizmente, Edward Herrmann, o ator que fazia o pai da Lorelai, faleceu um ano antes da série voltar e fez muita falta à história. Outra crítica à nova temporada é a participação da Sookie, melhor amiga da Lorelai – foi muito “X” – acredito que a Melissa McCarthy teve problemas com a agenda ou não quis se envolver muito.
Quanto ao final polêmico da nova temporada, senti como se fosse um chute do estomago. Fiquei chocada, passada e meio perdida. Sério...que final foi aquele!

Enfim, acho que ainda prefiro as temporadas antigas! Ah, antes que você me pergunte qual “team” eu sou, serei obrigada a te responder que dependendo da minha fase eu torço para cada um deles – talvez o perfeito seria a mistura dos três! E sim, acho a Lorelai e o Luke um casal incrível, desde quando eles não eram um casal.

As 7 temporadas e a nova estão disponíveis da Netflix, é só pegar a pipoca e maratonar!

E ai, você assistiu Gilmore Girls antes ou só agora na Netflix? Me conta o que você achou!

Até mais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!