sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Esmalte da Semana: Vermelite (Quem disse, Berenice?), o retorno.

Oiê!
Ok, finalmente vou voltar com as postagens de esmaltes aqui no blog. Fiz um tratamento de 2 meses para fortalecer as unhas, até comecei um post de cuidados para contar mais sobre o tratamento, mas desisti porque não estava em um formato legal. Para ser sincera, até pouco tempo eu achei que ele não tinha funcionado...só percebi que esse tempo foi importante quando voltei a esmaltar. O Vermelite (Quem disse, Berenice?) já apareceu por aqui, por isso nem vale muito a pena comentar sobre ele, mas vale contar o que notei de diferente dessa vez!
O Vermelite é um vermelho aberto, daqueles beeeem clássicos. Gosto muito desse tom nas minhas unhas porque contrasta bem com meu tom de pele, que é mais amarelado. Unhas elegantes e vibrantes! O vidrinho é o tradicional da marca e tem o pincel achatidinho, que é ótimo para esmaltar. A fórmula é boa e a aplicação é fácil e não mancha. Apliquei duas camadas e finalizei com o Top Coat Intensificador do Cor (Vult) – sim, mudei o top coat e tenho adorado!
Esse foi o primeiro esmalte que usei depois do tratamento. Minhas mãos continuam um pouco ressecadas, mas melhorou muito desde o começo do tratamento, mas nas fotos as cutículas ainda estão um pouco secas – tem muita hidratação pela frente, não tem segredo. O que me surpreendeu foi a durabilidade. Já não reclamei muito da primeira vez, mas dessa achei que foi muito melhor. Só uma unha de cada mão lascou (a do dedo médio) e depois de uns 4-5 dias. Tá, mudei o top coat, mas eu já vinha usando o da Vult antes do tratamento e os esmaltes não estavam parando na minha unha.
Tenho duas teorias. A primeira é que o tratamento deu certo. A segunda é que eu estava tão estressada que minhas unhas sofreram com isso, na época que tudo começou eu estava perto da minha qualificação, com um monte de coisas para fazer e meu organismo descontou tudo nas unhas. Passou o estresse, tudo voltou ao normal. Sinceramente, acho que a segunda teoria é a mais provável. Nosso corpo dá sinais de quando as coisas não vão tão bem!

Ah, outra coisa que mudou foi o formato das unhas. Elas estão ovaladas e eu acho que tem valorizado bastante minha mão. Olhei as fotos com as unhas quadradas e vi que faz muita diferença. Eu já vinha usando esse formato antes do tratamento, mas elas quebravam tanto que ficavam quadradas novamente. Sabe, eu não lembro quando foi a última vez que minhas unhas quebraram pra valer. Que ótimo!

Enfim, estou muito contente porque minhas unhas voltaram ao normal, os esmaltes estão durando e elas estão lindas e maravilhosas! Tenho orgulho de mostra-las novamente! Não dei muito destaque ao Vermelite, afinal eu já falei bastante dele. Uma coisa não mudou, ele continua classudo e bonito, além de ter uma qualidade muito boa. Só falta virar 3free!

Nas fotos, dá pra perceber alguma diferença pré e pós-tratamento?

Até mais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!