quarta-feira, 13 de julho de 2016

Resenha: Batom Mate Cetim - Nudetim (Quem disse, Berenice?)

Oiê!
Ando um pouco atrasada com as novidades, mas hoje vou contar um pouco sobre o batom mate cetim da Quem disse, Berenice?. Vou precisar dar um spoiler logo no primeiro parágrafo: esse batom tá muito, muito, bom! Comprei apenas uma cor, mas estou cogitando comprar outras. Fazia muito tempo que eu não me empolgava com um batom em bala. Se você ainda não experimentou o mate cetim, te garanto que depois deste post você vai querer comprar um! Quem me dera se isso fosse um publi (#ficadica QDB?)!
Sobre os batons mate cetim: “dá pra ser mate e cetim? dá, sim! o batom mate cetim tem textura sequinha, supercobertura e uma incrível duração de até 10 horas, com um brilho discreto e acetinado. além de ser muito confortável, também hidrata e protege os lábios.

São dez cores que estão à venda no site e nas lojas físicas da QDB? por R$31,90 cada.
A foto são das meninas do Coisas de Diva, não sei onde foi parar a caixinha do meu batom.
A embalagem é igual à dos mate veludo, toda preta com corações em prata. Na parte superior tem o logo da marca em alto relevo e na base vem o nome do batom em baixo relevo, o que requer bastante esforço para enxergar. É bem simples e prática, mas podia ter um adesivo com o nome um visor na tampa do batom, iria facilitar muito a vida. O batom vem com 4g e a fórmula é livre de parabenos.
Comprei a cor Nudetim (já falei que estou em uma fase nude) e ela é linda. É um nude quente, que traz um leve tom rosado aos lábios. Me apaixonei pela cor! O batom é bem sequinho, tem uma certa resistência na hora de aplicar, mas a cobertura é excelente. No começo não botei muita fé nessa história de batom mate com leve cintilância, mas depois que assisti o chatômetro da Lu Ferreira, me interessei pela linha e daí fui até a loja dar uma olhada.
Realmente o acabamento do batom é bem sequinho, até mais seco do que o mate veludo. Não sei explicar muito o brilho dele, é como se tivesse pequenas partículas que iluminam o batom. A primeira vez que passei o bato, eu fiquei encantada. Os lábios ficam diferentes, dá uma sensação de profundidade. Enfim, não consigo achar palavras para descrever bem, as fotos mostram por si só!

Além do acabamento diferente, o Nudetim tem uma duração tão boa quanto à de um batom líquido. Sério! Eu não esperava que ele ficasse no lugar por tanto tempo. A boca fica bem pigmentada por várias horas, acho que fica tanto tempo quanto o batom retro matte da M.A.C. Depois de aplicado o batom gruda e só sai na hora de demaquilar (ou depois de comidas gordurosas).
Usei o Nudetim do The Nudes III (foto) e no Black Swan.
Depois da febre dos batons opaco, acho que o mate cintilante vai ganhar bastante espaço no mercado. Hoje já existem diversas opções nacionais, infelizmente só testei o da QDB? E não tenho do que reclamar. Arrisco dizer que é o melhor batom em bala da marca – já testei os cremosos, os com glitter, os mate e os mate veludo, até agora o Nudetim é o melhor em acabamento e duração. Se você quer experimentar esse tipo de acabamento e não se dá muito bem com batons líquido, recomento o mate cetim da QDB?, você não vai se arrepender!

Você já aderiu à febre dos batons mate cintilante?
Até mais!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!