terça-feira, 24 de novembro de 2015

Televisando: The Flash

Oiê!
Na semana passada eu e o André procurávamos algo para assistir no Netflix. Nas sugestões estava o The Flash e como quem não quer nada começamos a assistir. Conclusão: passamos horas assistindo e fizemos uma maratona na última quinta e sexta...sério, passamos o feriado na frente da tv, na sexta emendamos o The Flash com Jéssica Jones e no sábado terminamos. Foi ótimo, me desliguei do mundo, comemos petiscos e tomamos cervejas...voltando, The Flash é uma série bem legal do personagem da DC e agora conto o que achei! Ah, não se preocupe, esse é um texto sem spoilers.
 Sinopse:Barry Allen (Grant Gustin) era um funcionário da Polícia Científica que, ao sofrer um acidente, foi banhado por produtos químicos em seu laboratório e, em seguida, atingido por um raio. Foi a partir disso que ele começou a ser capaz de canalizar os poderes vindos do "Campo de Velocidade", e se locomover em altíssimas velocidades. Usando uma máscara e um uniforme vermelho, ele começa a usar suas habilidades para patrulhar Central City com a ajuda dos cientistas da S.T.A.R. Labs, e detém vilões ao mesmo tempo em que procura descobrir quem foi o assassino de sua mãe.

The Flash é uma série da CW e está na segunda temporada. A primeira tem 23 episódios e todos estão disponíveis no Netflix.
 Assistimos apenas a primeira temporada e fiquei ansiosa para assistir a segunda. A série mostra como o Barry Allen ganha seus poderes e começa a desenvolvê-lo. Para isso, ele conta com a ajuda de alguns amigos. Percebendo o quanto ele pode ajudar, Barry assume a identidade do Flash e vê nisso a possibilidade de pegar o assassino de sua mãe e soltar seu pai da cadeia. O problema é que não foi só o Barry que ganhou poderes e essas pessoas, chamadas de meta-humanos, estão causando problemas em Central City.
 A série é bem leve e equilibra as cenas de ação, um pouco de drama e muitas tiradas engraçadas. Adoro as referências que o Cisco solta, a todo instante ele tem algo para falar. O enredo é bem legal e te envolve, sempre termina com aquela deixa que te faz querer continuar assistindo.

O universo do Flash está totalmente ligado ao universo de Arrow, tanto que sempre rola participações especiais. Comecei a me interessar pelo Arrow por causa disso, mas isso é assunto para outro post.
 Gostei bastante do The Flash, mas em alguns momentos as situações que acontecem são meio impossíveis. Mas como o André diz, a DC só tem herói apelão! Eu não tinha nenhum conhecimento prévio sobre o Flash, só sabia que ele é muito rápido. Durante a série o André me contava algumas coisas que ele conhecia e outras pesquisamos, mas não é necessário para entender. A série começa do zero e foi baseada no reboot de 2011 que a DC fez nas HQs.

Você já assistiu?

Até mais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!