quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Vídeo: Preparação Completa da Pele

Oiê!
O segredo de uma maquiagem perfeita está na pele bem preparada. Não existe apenas uma maneira correta, cada pessoa vai encontrar o melhor jeito com o tempo e prática. Além disso, com o passar do tempo, muita coisa muda durante sua rotina de preparo de pele, sua pele muda! O vídeo de hoje mostra como eu tenho preparado minha pele ultimamente.
Depois de gravar o vídeo sobre o Strobing, achei que seria bem interessante gravar um mostrando a preparação completa da pele. Eu já tinha postado em formato de fotos, mas em vídeo fica muito melhor. Agora é só dar o play!
Produtos utilizados:
- Super Stay 24h, cor Classic Ivory Light (Maybelline)
- Lápis de Sobrancelha, cor Cinzel (Quem disse, Berenice?)
- Corretivo Líquido, cor Claro 03 (Tracta)
- Anti-spotcompact powder, cor 02 Sand (Essence)
- Pó compacto, cor Chocolate (Max Love)
- Pó Iluminador Facial, cor 02 (Dailus Pro)
- Blush, cor Rose Éclat (Bourjois)

Não faço nada mirabolante, mas é o que funciona no momento para a minha pele. Pode ser que alguma coisa que eu faço não funcione para você, mas quem sabe outra coisa pode te ajudar?!

Não esquece de se inscrever no canal e curtir o vídeo!

Até mais!

terça-feira, 29 de setembro de 2015

Cuidados: Novo corte de cabelo

Oiê!
Eu sempre AMEI cabelos compridos e, quando criança, meu sonho era ter um cabelo tão grande quanto o da Rapunzel. Lá pelos 6 anos, decidi que queria ter cabelo Chanel (sabe-se lá porquê), insisti tanto que acabei cortando. Depois disso, nunca mais quis saber de cabelo curto. Apesar de ter bastante cabelo, os fios são levinhos então eles armam mais quando estão curtos – descobri isso na prática!
Antes do casamento, meu cabelo estava bem comprido e logo depois do casório cortei a franja e aparei as pontas. Costumo cortar o cabelo de 6 em 6 meses e corto em torno de 3-4 dedos para mantê-lo comprido e a última vez que minhas madeixas viram a tesoura foi em fevereiro.  Comecei a ficar incomodada com o comprimento no final de julho. Como faço academia de manhã, o cabelo ficava uma meleca e não era muito prático lavá-lo durante a ducha, então passava o dia com rabo de cavalo e isso estava cansando. Pesquisei alguns cortes, mas eu já sabia o que queria, eu queria um long bob!
Cortei bastante cabelo!
O long bob nada mais é do que um corte de comprimento médio, mas o mercado precisa de coisas novas, então inventaram esse nome e o classificaram como o “novo longo”. O corte médio é bem versátil, pode ser reto, repicado, em camadas, assimétrico... enfim do estilo que mais combinar com você! Lembrei que há uns 3 anos atrás meu cabelo tinha esse comprimento e era ótimo!
Decidi que o comprimento deveria ficar uns 2 dedos abaixo dos ombros e o corte seria reto com as pontas repicadas e camadas suaves na frente por causa da franja que cortei no ano passado, assim meu cabelo iria ficar quase todo no mesmo comprimento. Com tudo definido, foi só marcar hora no salão e passar a tesoura!
Adoro cabelão, mas a praticidade do long bob é ótima! A primeira foto é do tutorial Eternally Purple Intense e a segunda é do Prata Básico.
Estou super feliz com meu novo corte de cabelo. Ele é muito prático, dá para prender rabo e coque, para lavar durante a ducha pós-academia e deixar secar ao longo do dia, para ondular... A melhor parte é que os fios estão mais bonitos, afinal tirei boa parte das luzes antigas que foram tonalizadas.
Esse corte foi a minha libertação capilar! Haha! Sério, minha preocupação com ele diminuiu drasticamente. É a segunda vez que tenho esse comprimento de cabelo e continuo gostando, acho que vou manter esse corte por um booooom tempo!

E qual é o seu corte favorito?

Até mais!

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

eSPlorando: All Black Pub

Oiê!
Em São Paulo, podemos achar restaurantes típicos de qualquer lugar do mundo e é muito fácil achar pubs no melhor estilo inglês e irlandês. Mas, acredite ou não, eu nunca tinha ido à um pub irlandês por aqui! No mês passado foi aniversário da Fê, uma das minhas amigas mais antigas, e ela resolveu comemorar no All Black Pub. Agora te conto o que achei do lugar e das comidinhas!
O All Black Pub é um pub irlandês e o ambiente é bem temático, o estilo da decoração me lembrou o pub que fui em Londres e os que vi em filmes que se passam na Irlanda. O forte da casa são as cervejas, afinal as pessoas vão ao pub para beber e a bebida favorita dos irlandeses é a cerveja.
A carta de cervejas não é das maiores, mas é bem completa com opções para todos os gostos e bolsos. Achei legal que a casa tem sua própria cerveja, a Thirteen Pilsen. Eu e o André experimentamos e gostamos, mas fica o aviso: é uma cerveja mais forte. Além dela tomamos a London Pride (adoro!), a Old Speclkled Hen e a Praga.
Para acompanhar as cervejas deliciosas, escolhemos alguns petiscos. Começamos com os Pastéis Irlandeses recheados com carne e legumes, depois pedimos o Dublin Meat Balls, que são bolinhos de pernil acompanhados de uma dijonnaise (que de dijon só tinha a cor, não deu para sentir o gosto da mostarda). Por fim, escolhemos o Mini Guinness Cheeseburger, são tão pequenininhos e fofos, a porção vem com 4 hamburguinhos (mas o sabor não era nada de mais).
O cardápio, as primeiras cervejas da noite - Thirteen e London, e o cantinho que ficamos.
Chegamos às 19:00, logo quando o Pub abre, o que foi ótimo! Eles seguram a reserva até às 20:00, então é importante chegar cedo. Além disso, o preço da entrada é mais barato até às 20:30 de terça à sexta e às 21h do sábado. Depois das 23:00 começou a tocar uma banda e nessa altura o bar estava bem cheio. O Pub tem serviço de vallet, mas dá para ir de metrô tranquilamente, é só aguentar uma caminhada de 15 minutos da estação Trianon-Masp do metrô.
O lugar é legal, ótima opção para passar um tempo com os amigos. Achei melhor quando o pub estava vazio, o atendimento é bom, dá para conversar e se divertir. O preço não é o dos mais baratos e a comida não é espetacular. Recomendo para experimentar alguma cerveja diferente em um ambiente irlandês. Agora, se você não faz questão do ambiente, há várias lojas onde você pode comprar cervejas do mundo inteiro, levar e tomar no conforto da sua casa. Eu e o André fazemos isso direto e é maravilhoso!

O All Black fica na Rua Oscar Freire, 163 - Jardim Paulista. Funciona de terça à sábado e você pode achar os horários, cardápio e programação no site deles.

Você já foi no All Black Pub? O que achou?


Até Mais!

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Esmalte da Semana: Tropical Dot (Color Pop)

Oiê!
Essa semana eu resolvi usar o outro esmalte da Color Pop. Estava curiosa para saber se o Tropical Dot era ruim, como o Silky Grey. Dessa vez, não aguentei e tirei o esmalte em dois dias, sério! Nem o Top Coat segurou... Acho que o problema é da marca mesmo.
A aplicação foi muito tranquila, usei até para gravar o vídeo de como eu faço minhas unhas. Passei duas camadas e depois de gravar o vídeo, resolvi aplicar o top coat. No dia seguinte tinha unha sem metade do esmalte.
A cor é bonita, mas existem várias opções nacionais com duração superior. Olha, eu realmente não tenho o que falar sobre o esmalte, ele é ruim e ponto final!

Quais marcas você não gosta?


Até mais!

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Tutorial: Toque Laranja

Oiê!
Não tem jeito, vira e mexe eu quero fazer uma maquiagem com algum detalhe laranja! O tutorial dessa semana começa bem neutro, mas tem o toque final. Um cantinho interno bem laranja com uma transição suave para o preto e o marrom – tudo muito esfumadinho, claro! É uma make pra arrasar!
 Na preparação da pele, usei os seguintes produtos:
FitMe! Foundation, na cor 120 – Classic Ivory (Maybelline)
Corretivo de Alta Cobertura, cor 01 (Quem disse, Berenice?)
Natural Bronzer, na cor 021 Sun Light (Rimmel)
* Blush, na cor Rose Éclat (Bourjois)
* Pó Iluminador, na cor 02 (Dailus Pro)
Para ampliar o tutorial, clique aqui.
Nos lábios, usei o batom caramelo, da Natura Faces Zip. Minha segunda opção era o Marronli (Quem disse, Berenice?), mas na pressa acabei passando caramelo.
O resultado é um olho colorido e poderoso!


Sabe qual é a parte mais legal dessa maquiagem? É que você pode trocar o laranja pela cor que você quiser é só ter uma boa sombra para transição, como a Marrone (Quem disse, Berenice?). Acho interessante colocar cores quentes e vibrantes, para maior contraste, mas para um visual mais discreto, cores frias funcionam bem. Use a sua imaginação!

O que você acha de olhos com cores vibrantes?

Se você fizer essa maquiagem, posta sua foto e marca com #PerspectivaLaranja!


Até mais!

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Ma Cuisine d'Orange: Molho de Tomate Caseiro

Oiê!
Saber fazer um bom molho de tomate pode quebrar o maior galho. Desde que me casei, não tenho usado molho de caixinha, prefiro fazer o meu molho. Já mostrei uma versão bem simples, mas hoje vou mostrar um molho de tomate caprichado, no melhor estilo italiano! O único problema é que faço a receita à olho, então não vou passar as quantidades e o ideal é você ir provando durante o preparo. É bem simples, só requer um pouco de tempo e paciência. Vem ver!
Você vai precisar de:
- Tomates bem vermelhos (usei o holandês)
- Cebola Roxa
- Azeite de Oliva Extra Virgem
- Manjericão
- Sal
- Pimenta-do-reino
Modo de preparo:
Retire a casca do tomate, para isso, você pode fazer um corte superficial em X na parte de baixo do tomate e levar à água fervente por 30 segundos, logo em seguida, coloque em água gelada e então remova a casca. Corte o tomate, retire as sementes e coloque no liquidificador (1). Bata até ficar homogêneo (2). Corte a cebola em tiras bem fininhas, para que ela possa “derreter” no cozimento do molho, e refogue com um fio de azeite (3). Despeje o tomate batido na panela (4) e deixei cozinhar por pelo menos 1 hora (5). Se quiser um molho mais espesso, deixe reduzir e para um molho mais fluído, acrescente água para diluir. Depois de cozinhar bastante em fogo baixo, acrescente o sal e a pimenta. Desligue o fogo e coloque o manjericão (6). Misture bem e o molho está pronto!
Você pode congelar em porções pequenas ou guardar na geladeira. Ele fica bem temperadinho e combina muito bem com uma macarronada de domingo. Esse é o molho que fiz para a pizza da semana passada.
Se empolgou em fazer seu próprio molho? É bem mais saudável e você pode usar os temperos que você quiser para ele ficar ao seu gosto!

Se você preparar esse molho delicioso, não esqueça de postar sua foto e marcar com #PerspectivaLaranja.


Até mais!

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Televisando: Helix

Oiê!

O seriado da vez é uma ficção científica. Helix é um seriado do Sy-Fy e me conquistou recentemente. Assisti a primeira temporada e adorei, mesmo tendo pesadelos nos primeiros episódios (sim, fico impressionada com muita facilidade, por isso sempre evito assistir filmes de terror). Se você quiser saber mais sobre a série, é só continuar lendo. 
Sinopse:Ao investigar uma possível ameaça em um centro de pesquisas no Ártico, cientistas descobrem um novo vírus que pode exterminar a raça humana da face da Terra.
A primeira temporada foi ao ar em 2014 e tem 13 episódios de 40 minutos. O canal encomendou uma segunda temporada que foi ao ar esse ano e também conta com 13 episódios. Dias depois da season finale, o canal anunciou o cancelamento da série. No Netflix você pode encontrar a primeira temporada completa.
Logo no primeiro episódio, o CDC (Centro de Controle de Doenças) é acionado para investigar uma contaminação de um vírus desconhecido dentro de um centro de pesquisa no Ártico. Para liderar a missão foi escolhido (não por acaso) o Dr. Alan Farragut e sua equipe conta com mais três cientistas e um militar. Detalhe: uma das cientistas é a ex-mulher de Alan, que o traiu com o irmão. Mais um detalhe: o irmão de Alan está entre os infectados. Com todo esse problema pessoal, ainda tem um vírus desconhecido e perigoso contaminando todos no centro de pesquisas. O responsável pelo centro é o Dr. Hiroshi e ele não está nem um pouco a fim de colaborar com o CDC, ele prefere manter seus segredos à ajudar a equipe de Alan.
Com reviravoltas a cada capítulo, a primeira temporada se passa em 13 dias, ou seja, cada episódio corresponde à um dia. É uma corrida contra o tempo para salvar os pesquisadores do centro, suas próprias vidas e impedir que o vírus se alastre ao redor do mundo. Não é uma história muito original, mas é uma série bem feita. Terminei a primeira temporada e fiquei com vontade de ver a segunda, afinal muitas coisas precisam ser resolvidas.

Se você já assistiu a série, me conta o que achou!


Até mais!

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Resenha: Demaquilante Bifásico (L'Oréal)

Oiê!
Em julho minha sogra foi para a França e aproveitei para encomendar um pouco de água termal e mais um potão do meu demaquilante favorito, o Toleriane (La Roche Posay). Além disso, ela me trouxe um demaquilante bifásico da L’Oreal e o post de hoje é sobre ele.
Graças ao google, traduzi as informações do site francês:
Demaquilante de maquiagem à prova d’água para olhos e lábios
BENEFÍCIOS DO PRODUTO
• Adequado para olhos sensíveis e usuários de lentes de contato.
• A fase escura é rica em óleos doces e remove a maquiagem de forma eficaz. A fase clara é uma loção muito suave que proporciona uma sensação de frescor.
• Elimina rápida e facilmente todos os vestígios de maquiagem, sem deixar uma cobertura oleosa dos olhos.
A embalagem vem com 125mL e aparentemente tem uma versão que não remove maquiagem à prova d’água e a única diferença é o nome (que são bem parecidos por sinal). Aproveitei para pesquisar a versão brasileira e acredito que seja o mesmo produto.
Meu primeiro contato com demaquilante bifásico não foi muito legal. Na época, minha pele não estava saudável e o excesso de produtos só piorou a situação. Por isso, fiquei um pouco receosa na hora de testar o da L’Oréal. Quando fui usar, escolhi um dia em que meu olho estava bastante maquiado. Foi ótimo! Com pouco produto consegui amolecer toda maquiagem sem esfregação. Não ardeu o olho e não ficou muito melecado, a fórmula é realmente suave. Passei com um disco de algodão e depois, com os dedos, massageei o Toleriane por todo o rosto. Na hora de passar a toalha, 95% da maquiagem tinha saído sem muito esforço.
Não é um produto que uso diariamente, prefiro usar quando estou usando uma maquiagem mais pesada. Facilita muito o trabalho! Nas fotos, eu estava usando o delineador em gel da Rimmel e a sombra Bad to the Bronze (Color Tattoo, Maybelline), ambos à prova d’água. Vale a pena investir em um bom demaquilante bifásico. Quando este acabar, pretendo experimentar a versão brasileira para comparar.

Você já experimentou a versão brasileira desse demaquilante? Me conta o que você acha dele!


Até mais!

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Esmalte da Semana: Vertigem (Gio Antonelli, Hits)

Oiê!

Dia de mostrar o esmalte da semana, o Vertigem, da coleção da Giovanna Antonelli para Hits. Comprei esse esmalte para fazer a nail artinspirada na bandeira lusitana. Sim, sou dessas que às vezes compra um esmalte para fazer apenas um detalhe da unha! Depois de alguns minutos analisando minha caixa de esmaltes, decidi que era hora de usar o Vertigem de verdade.
O vertigem é um verde escuro de acabamento cremoso que faz parte da primeira coleção da atriz Giovanna Antonelli para a Hits. Inicialmente a coleção tinha 20 esmaltes, todos com nomes de sensações, e depois foram lançados mais 10 esmaltes. Se não me engano, o lançamento da primeira coleção foi no começo do ano passado, quando o azul “Frio na Barriga” virou uma febre nacional.
O vidrinho é o tradicional da marca e o pincel é do tipo achatadinho (meu tipo favorito). Passei duas camadas do esmalte e não usei top coat. A duração foi normal, lá pelo terceiro dia começou a aparecer o desgaste na ponta das unhas.
A cor é bem bonita e, apesar de ser verde, é bem discreta. É uma cor elegante e sóbria, me conquistou mesmo eu não gostando muito de verde. Depois do fiasco da semana passada, fiquei feliz com a unha dessa semana. Como é bom usar um esmalte com fixação normal!

Você já experimentou o Vertigem? Me conta o que você achou dele!


Até mais!

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Tutorial: Eternally Purple Intense

Oiê!

Semana passada postei o tutorial Eternally Purple Natural e como eu expliquei lá, a palette Eternally Purple nº04 (Sephora) vem com duas sugestões. Hoje vou mostrar a versão Intense, com tons de roxo e lilás que dão uma profundidade incrível ao olhar.
 Na preparação da pele, usei os seguintes produtos:
Studio Fix Fluid, na cor NC20 (M.A.C.)
Corretivo Líquido, cor clara 03 (Tracta)
Anti-SpotCompact Powder, cor sand 02 (Essence)
Natural Bronzer, na cor 021 Sun Light (Rimmel)
* Blush do Kit Blush V211 (Jasmyne)
* Pó Iluminador, na cor 02 (Dailus Pro)
Para ampliar o tutorial, clique aqui.
Nos lábios, passei o Rosalina (Quem Disse, Berenice?). Vem conferir o resultado:


E com esse olho lindo, eu termino a sequência de tutoriais com a Eternally Purple nº04. A versão intense, sem dúvidas, é a minha favorita. Usei a maquiagem durante o dia todo e achei que ela combinou tanto para o dia, quanto para a noite. Tenho gostado bastante de fazer o delineado esfumado com sombras, fica lindo, né?! Já tinha usado essa técnica no tutorial “olho rosapara festa” e achei bem mais simples e rápido, ideal para quem tem pouco tempo e prática!

Qual versão é a sua favorita, Natural ou Intense?


Até mais!

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Ma Cuisine d'Orange: Pizza

Oiê!

Dia 10 de julho é o dia da pizza e nesse ano caiu no meio da emenda do feriado de 9 de julho. Dei duas opções para o André: comprar ou fazer a pizza. Decidimos que comprar pizza no dia da pizza era para os fracos, então botamos a mão na massa! Esqueci de tirar as fotos do passo-a-passo, mas como não faço pizza com frequência, juntei as fotos do celular e resolvi esse “probleminha”. Continue lendo para aprender a fazer uma pizza bem gostosa, é trabalhoso, mas é fácil!
Você vai precisar de:
- 1kg de farinha de trigo
- 2 ovos
- 2 colheres (chá) de sal
- 2 colheres (chá) de açúcar
- 1 colher (sopa) de manteiga
- 4-5 colheres (sopa) de azeite
- 100mL de água
- 100mL de leite integral
- 2 pacotes de fermento biológico
Modo de preparo:
Fiz a massa na batedeira planetária, pois vai bem mais rápido. Se você não tiver, dá para fazer na mão, só que vai dar mais trabalho.
Adicione na batedeira todos os ingredientes com exceção da água e do leite. Bata até misturar tudo e, sem desligar a batedeira, adicione o leite e a água aos poucos. Deixe a massa ficar bem homogênea. Retire da batedeira e continue sovando a massa na mão por mais 15 minutos, para ela ficar bem macia e elástica. Coloque em uma vasilha, cubra com um pano e deixe descansar por pelo menos 1 hora para a massa crescer.

Enquanto isso, você pode preparar o molho e as coberturas. Fizemos 3 pizzas: 3 queijos (mussarela, gorgonzola e parmesão), mussarela com salame e banana com canela.
Depois de descansar, é hora de abrir a massa. Divida a massa e mantenha as partes que você não vai usar na vasilha com o pano. Como não temos habilidade de pizzaiolo, abrimos com o rolo. Passe a massa para a forma e enrole as pontas para o recheio não vazar (dica: umedeça a borda para ela não abrir). Coloque o molho e a cobertura. Leve ao forno pré-aquecido em temperatura alta e deixe até dourar. É importante que o forno esteja bem quente.
Não tem segredo! A parte mais trabalhosa é sovar a massa, depois disso, é só se divertir montando a pizza do jeitinho que você quer! Com essa receita dá para fazer duas pizzas grandes ou uma grande e duas brotinhos, que foi o que fizemos por causa das formas que tínhamos em casa.
Não espere o próximo dia da pizza, escolha um dia tranquilo e coloque a mão na massa! Quando você fizer, não esqueça de postar sua foto e marcar com #PerspectivaLaranja.

Por falar em pizza, qual é seu sabor favorito? Os meus são marguerita e palmito com queijo.

Até Mais!

terça-feira, 15 de setembro de 2015

eSPlorando: Restaurante Tian

Oiê!
Você não leu errado, a nova coluna do blog se chama eSPlorando e vou falar sobre os lugares que conheço (e vou conhecer) aqui em São Paulo, uma cidade com tantas coisas, mas muitas vezes nos acomodamos em casa. Planejamos várias viagens para fora, mas esquecemos de conhecer nossa própria cidade. De restaurantes à passeios, esta é a nova coluna no Perspectiva Laranja e te convido a eSPlorar a cidade comigo!

Hoje vou falar sobre um restaurante que conheci recentemente. Eu sempre fui muito chata para comer, mas agora entrei numa fase onde acho que tenho que provar de tudo para saber se gosto ou não. Então fui me aventurar em um restaurante tailandês, o TIAN.
O TIAN é um restaurante asiático contemporâneo com forte influência tailandesa, nacionalidade da chef Marina Pipatpan. A proposta do restaurante é reinterpretação da culinária tradicional asiática, trazendo receitas da Tailândia, Japão, China, Filipinas, Vietnã e Coreia.
O salão não é grande, mas passa uma sensação acolhedora. O Tian tem um Tuk-tuk e você pode marcar para ele te buscar na hora do almoço - achei um máximo! Fotos: Tian
“O Tian Restaurante é um lugar feito para aproximar o brasileiro da cultura asiática e proporcionar bons momentos a partir do ato de compartilhar a comida. Contemporâneo, sofisticado e urbano, o Tian reinterpreta os alimentos da cozinha asiática de maneira moderna com temperos leves e aromas marcantes.”
Esq.: Bun de pernil; Sup.: Atum empanado no sembei; Inf.: Pad Thai. Fotos: Tian
O espaço é pequeno, mas aconchegante. À meia luz e decoração que remete à Ásia, é um ambiente agradável e ideal para jantares românticos e bons momentos com os amigos. Fui com meus tios, disposta a experimentar tudo o que me fosse oferecido e foi uma das melhores coisas que fiz na vida! Muitas das comidas que experimentei eu nem olharia só por saber dos ingredientes. De tudo que comi, recomendo o Atum empanado em sembei, poke de salmão (esse é maravilhoso, pedimos vários e não tem um gosto muito forte de salmão) e Pad Thai. O André adorou um prato com iscas de peixe ao molho sweet and sour da casa. Foram momentos muito prazerosos ao meu paladar, só de lembrar fico nas nuvens! De sobremesa, comi o Trio Crème Brûlée, que vem 3 porções generosas de crème brûlée sabor capim-limão, gengibre e chá tailandês. Tudo muito delicioso!
O delicioso Crème Brûlée, meu favorito é o de gengibre. Foto: Tian
Uma das coisas mais legais do restaurante é que no site tem o cardápio completo (com valores), o que é ótimo para se planejar! O preço não é alto pela qualidade da comida, mas não espere mega porções. Dependendo da sua fome, uma porção não dá para duas pessoas. O legal é pedir dois pratos e dividir, assim você prova mais!

O Restaurante TIAN fica na Rua Jerônimo da Veiga, 36, Itaim - São Paulo. Funciona no almoço (com opção de pratos executivos) e na janta todos os dias (domingo fecha as 17:00). Super recomendo se você quer experimentar novos sabores! Mais informações no site e na fanpage.

Você já conhecia o Tian?


Até mais!

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Vídeo: Como fazer as unhas SOZINHA!

Oiê!
Hoje tem vídeo novo no canal! Resolvi gravar um vídeo de como faço as minhas unhas. Desde pequena aprendi a fazer as unhas sozinha, mas foi a partir de 2010 que se tornou um hábito. Eu era muito ruim... O tempo passou e hoje eu estou satisfeita com a minha técnica, pode não ser a unha mais bem feita da história, mas é suficiente para mim.
O vídeo é curtinho e você vai ver que fazer as unhas não é um bicho de sete cabeças!

Viu só?! Não tem nenhum segredo, só prática. As primeiras tentativas vão ficar feias, não vou mentir para você, mas depois as coisas melhoram, eu garanto! É só ter paciência e persistência!

Então, não tem mais desculpas, quando você vai começar??


Até mais!

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Esmalte da Semana: Silky Grey (Color Pop)

Oiê!
O esmalte dessa semana foi uma grande decepção. Escolhi uns dos esmaltes que minha mãe me trouxe de Cancún e nunca vi um esmalte descascar como o Silky Grey, da marca mexicana Color Pop. O esmalte descascou tão rápido que não consegui tirar nenhuma foto decente, por isso, não espere boas fotos neste post!
O Silk Grey é um cinza clarinho bem bonito, mas não é uma cor única. Existem várias opções nacionais, como o Tubinho (Risqué) e o Pier (Impala). A aplicação foi simples, não manchou e nem ficou grosso, coisa comum em esmaltes cremosos clarinhos. O pincel é bem fininho e redondo. Passei 2 camadas e dispensei o top coat, gostei bastante do resultado.
Apesar de não ter tido problemas na aplicação, a duração foi terrível. Logo no primeiro dia umas três unhas estavam lascadas e conforme os dias foram passando, as lascas só aumentaram. Teve unha em que a “lasca” ocupada metade da unha. A fixação é tão ruim que qualquer coisinha fazia o esmalte descascar. Para piorar, essa semana minhas mãos estavam super ressecadas! Olha, fazia tempo que eu não ficava com as unhas tão mal feitas como as dessa semana...
Quanto à marca, eu não consegui achar muitas informações. Aparentemente a Color Pop é uma marca mexicana fabricada exclusivamente para uma rede de supermercados do país. Não achei site nem maiores informações. Se alguém conhecer mais sobre a marca, coloca lá nos comentários. Quero saber se só eu tive problemas com a cor ou com a marca.

Ai ai, fico tão chateada quando o esmalte é ruim, ainda mais quando a aplicação foi tranquila...

Até mais!

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Tutorial: Eternally Purple Natural

Oiê!
Recentemente ganhei da minha sogra uma palette da Sephora com 5 cores, a Eternally Purple nº04. Na parte de trás da embalagem tem duas sugestões de uso: Natural e Intense. Achei interessante e resolvi reproduzir. São tons fáceis de achar, então não precisar ser exatamente essa palette. A Natural traz um olho rosinha bem meigo e iluminado que vai fazer você se apaixonar!
Preparei minha pele com a técnica de Strobing e os seguintes produtos:
- BB CreamDream Oil Contrrol, Claro (Maybelline)
- Corretivo Líquido, 03 – Claro (Tracta)
- CompactPowder Pure Skin, 02 – Sand (Essence)
- Blush do Kit Blush V211 (Jasmyne)
- Pó Iluminador Facial, 02 (Dailus Pro)
Para ampliar o tutorial, clique aqui.
Nos lábios, passei o batom 101 da linha Intense (O Boticário).
Dá uma olhada no resultado!


Ficou muito lindinho, não acham?! Fiquei o dia todo me sentindo linda e radiante! Minha parte favorita é o esfumadinho com Liner-Violet, que, mesmo sendo bem discreto, deu um toque todo especial à maquiagem. É uma alternativa colorida para um visual mais natural e discreto, perfeito para o dia-a-dia.

Que tal trocar os nudes e marrons por um rosinha bem delicado? Super aprovo!

Até mais!

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!