quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Resenha: Fit Me Foundation - Maybelline

O blog está tentando manter sua programação normal, se você está lendo este post, quer dizer que eu consegui preparar vários posts e que todo dia teremos algo novo por aqui!! Animadas? Eu estou!!

Hoje vou falar sobre um produtinho que fiquei bem empolgada e morrendo de vontade de testar. Encomendei para minha tia e não me arrependi! A base é muito boa! Continue lendo a resenha para descobrir porque essa base me conquistou!
Como já contei nesse post,  a FIT me! é uma base fluída e hidratante, possui FPS 18 e sua cobertura é leve-média. Na sua fórmula não tem óleo nem cera. Segundo a marca, por causa da base translúcida e dos pigmentos leves, a pele mantém a textura natural, a "pele fica do jeito que é para ser". Minha cor é a 120 Classic Ivory, como olhei o produto pela internet, escolhi o essa cor porque recentemente eu tinha comprado a SuperStay, também da Maybelline, na cor Classic Ivory Light. Não vou fazer a comparação dos tons neste post, deixarei para um post maior onde irei comparar todas as minhas bases!
Assim como a SuperStay, a FIT me! não tem nenhum dosador, é um vidro retangular, fofinho, bem básico com uma boca do tamanho do mundo. Mas tudo tem solução, certo?! Antes de abrir eu agito um pouco a base, abro e tento colocar uma pequena quantidade na mão. Não é muito simples, as vezes vem muito produto. A base é muito, muito líquida e parece que é super oleosa. No começo eu fiquei assustada, pensei que eu estaria passando óleo puro no rosto, mas eu estava enganada!!

Já apliquei a base com os dedos, com esponja e com kabuki reto, o jeito que eu mais gostei foi com o kabuki. Nas fotos, eu passei com os dedos mesmo. Apliquei por regiões e espalhando bem, para ter uma cobertura leve. Parece que não vai absorver, mas no final absorve tudo. Com a esponja e com o kabuki ele seca mais rápido.
Passei a base às 9:00 e testei até às 15:00, fui trabalhar, peguei ônibus, mas o dia não estava tão quente. Fiquei um pouco suada, mas nada do tipo "sai da academia"! Olhando o rosto como um todo, a base continuou lá, e minha pele continuou homogênea.

Eu passei uma camada leve, só para deixar um tom. Na foto abaixo dá pra ver que a minha machinha bochecha ficou parecida nas duas fotos. Lembrando que eu não tentei cobrir a mancha em nenhum momento. Até o batom se manteve no lugar! Se eu fosse analisar nem de perto, provavelmente a base já tinha perdido uma boa parte da intensidade, mas no geral, ela tá na pele e tá cumprindo seu papel.

Quanto ao aumento da oleosidade, não senti nada. Não aumentou e nem diminuiu. Por causa da franja, na testa o produto durou um pouco menos, mas nada grave.
No final, a base cobre bem, mas não é uma base de alta cobertura. É legal para o dia-a-dia, quando o objetivo é uma preparação leve da pele, algo que compromete pouco. A aplicação mais natural é com o kabuki.

Usei a base durante a viagem e ficou tudo no lugar, mesmo andando muito. Claro que se eu fosse tirar as fotos de depois lá pelas 20:00, iria ter menos base no rosto e a aparência ficaria mais detonada. Ela  aguenta bem umas 8 horas no rosto, mantendo a dignidade, depois o rosto começa a ficar com aquela aparência cansada.

Infelizmente a base não é vendida no Brasil. Tem nos EUA e na Europa. Agora meu desejo é ter outros produtos na linha como o bastão e o .

[Leia a comparação dessa base com a nova versão Mate+Poreless]

Alguém aqui já tinha testado algum produto da linha? Ficaram curiosas? Conta lá nos comentários!!

See Ya!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!