quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Ma Cuisine D'Orange: Pastelão do Menino Maluquinho

Preparadas para mais uma receita fácil de fazer e gostosa de comer?

A receita de hoje é do Pastelão do Menino Maluquinho. A receita está no livro de receitas do Menino Maluquinho (sim, ele tem um livro de receitas) e é uma massa básica, ou seja, você pode fazer do jeito que você quiser, com o recheio que você quiser.

É uma receita muito prática, minha mãe costumava fazer antes de irmos ao clube no final da tarde. Era a janta perfeita depois da minha aula de ballet e do futebol do meu irmão.

Vamos começar?

Ingredientes:
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 3/4 de xícara (chá) de leite
  • 3 colheres (sopa) de margarina
  • 2 colheres (chá) de sal
  • 1 colher (chá) de fermento químico em pó

Modo de preparo:

Em uma tigela coloque a farinha, o fermento, o sal e a manteiga.
Misture os ingredientes com as mão até formar uma farinha grossa. Isso irá acontecer por causa da margarina. Misture e esfarele, até que a margarina esteja incorporada aos ingredientes secos.
Adicione o leite aos poucos e continue amassando a massa com as mãos. Às vezes não é necessário colocar todo o leite separado.
No final a massa deverá ficar homogênea, lisa e não deve grudar nos dedos.
Espalhe um pouco de farinha onde você irá abrir a massa com o rolo.
Abra até a massa ficar do tamanho desejado. Depois coloque o recheio (na foto, atum enlatado).

Dica: Divida a massa em 2 ou 3 pedaços, assim, fica mais fácil de abrir e você pode fazer mais sabores.
Feche o pastelão e enrole as pontas para não abrir. Você pode fazer isso do jeito que achar melhor. Depois coloque em uma forma (se for teflon, não precisa untar).
Pincele (com os dedos ou pincel de culinária) um pouco de gema em cima para deixar o pastelão bem dourado. Leve ao forno médio/alto e deixe até dourar.

Dica 2: Cuidado com o recheio de queijo, se tiver muito, o recheio pode vazar.
Depois é só comer seu pastelão! Dá pra comer quente, frio, com a mão, de garfo e faca, etc. A melhor parte é a massinha da borda, parece um biscoitinho.

Dica 3: quando for comer, deixe as bordas para o final, você não vai se arrepender!
Minha mãe adaptou a receita para pastelão, mas você também pode fazer em formato de torta tradicional, ou do jeito que você quiser. O pastelão é mais fácil porque é só abrir a massa, colocar o recheio e fechar.

Dá pra acreditar que essa receita é de um livro de receitas do menino maluquinho??



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque suas fotos com #PerspectivaLaranja e apareça por aqui!